Empresas apresentam propostas para operar transporte coletivo de Foz nesta sexta-feira (25)

Empresa de Salvador, na Bahia, São Paulo, interior e capital, e de Curitiba visitaram Foz do Iguaçu e demonstraram interesse na pesquisa de preços da prefeitura para a contratação emergencial de operação do transporte coletivo da cidade. A abertura dos envelopes será às 16h desta sexta-feira (25) no Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu – Foztrans.

O secretário municipal da Transparência e Governança, José Elias Castro Gomes, afirma que foram enviados convites para mais de 60 empresas de diferentes regiões do país. “Tivemos quatro visitas de grandes empresas do Brasil, uma de Salvador, duas de São Paulo e uma de Curitiba”.

A comissão de licitação também recebeu seis pedidos de esclarecimentos por telefone e uma consulta foi formalizada. “Esperamos contar com a participação destas empresas, especialmente das que estão mais interessadas”, ressaltou o secretário, que coordenou o processo administrativo que resultou na caducidade do contrato do atual consórcio que opera o sistema.

“Este é o início de uma nova fase do transporte coletivo de Foz do Iguaçu, que deve ser um transporte de qualidade e que atenda às reais necessidades dos usuários”, expressou o prefeito Chico Brasileiro.

Contrato emergencial

Todo o cuidado foi necessário, segundo o diretor superintendente do Foztrans, Licério Santos, por se tratar de uma contratação emergencial. “Resolvemos fazer esta pesquisa de preço para entender um pouco do mercado. Os esclarecimentos foram dados para as empresas que gostariam participar e agora aguardamos a abertura dos envelopes”, disse.

Para abertura dos envelopes, a prefeitura convidou representantes da OAB, Acifi, Observatório Social, universidades, entre outros interessados. “Como o procedimento permite, acreditamos que muitas empresas deixem para entregar o envelope com a proposta na hora”, afirmou José Elias.

Até o início da tarde desta sexta-feira, a entrega das propostas pode ser feita no protocolo da prefeitura, e no Foztrans até a hora da abertura dos envelopes. O contrato pelo período de um ano, de acordo com José Elias, deve ser assinado até a próxima quarta-feira ou no máximo quinta-feira (2 ou 3 de março).

“Vamos trabalhar durante o carnaval para terminar a minuta do contrato após a abertura dos envelopes. A decisão será pela empresa que apresentar a melhor proposta. A empresa tem que começar a operar no dia 13 de março, mas entendemos a dificuldade do mercado para operacionalizar em 12 dias tudo isto”, completou o secretário.

 

 

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?