Atletas iguaçuenses conquistam marcas importantes e quebram recordes no Troféu Brasil de Atletismo

O fim de semana foi repleto de marcas positivas para o Instituto do Atletismo de Foz do Iguaçu. Os atletas Felipe Izidoro e Graciely Pinzan participaram da 40ª edição do Troféu Brasil Loterias Caixa de Atletismo, disputado em São Paulo, e trouxeram importantes conquistas para a fronteira.

Na prova do Salto Triplo, Felipe Izidoro obteve a marca de 15,71 m e conquistou vagas para três campeonatos internacionais na modalidade sub-20. O Campeonato Sul-Americano de Atletismo sub-20, que será disputado entre 9 e 10 de julho, em Lima (Peru); o Campeonato Pan Americano de Atletismo sub-20, de 16 a 18 de julho, em Santiago (Chile); e o Campeonato Mundial de Atletismo sub-20, de 17 a 22 de agosto, em Nairobi (Quênia).

Felipe terá a companhia da colega de treinos Érica Geni Barbosa, que obteve em maio o índice para também participar dos três campeonatos, após ocupar o 1º lugar do ranking nacional na prova dos 400 m.

“O sonho de todo atleta é chegar até a seleção brasileira, e conseguir isso três vezes, de uma só vez, é maravilhoso. Venho treinando há muito tempo e conseguindo boas marcas em outras competições. Quero chegar para os torneios de forma competitiva e trazer resultados melhores ainda para Foz”, contou Felipe, que treina desde 2017 pelo instituto.

Graciely Pinzan atingiu a marca histórica de 53.94 m na prova do Lançamento do Martelo feminino e subiu no ranking nacional da modalidade, tornando-se a 6ª melhor lançadora do Brasil.

“Meu objetivo era ser a primeira atleta do Paraná a lançar mais de 50 metros, o que consegui durante a última seletiva. Agora quis me desafiar ainda mais e, felizmente, consegui! Todos os meus lançamentos foram recordistas e mostraram que a aplicação nos treinos e dedicação do técnico podem se transformar em grandes conquistas”, afirmou Graciely.

 

Instituto do Atletismo

Os talentos do instituto são mantidos pelo projeto Jovens Atletas Campeões do Futuro, uma parceria da Prefeitura de Foz do Iguaçu, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, em parceria com a Itaipu Binacional.

São cerca de 100 atletas ativos, que vem treinando de maneira reduzida por conta dos protocolos de segurança contra a covid-19. Desses, 40 fazem parte do programa Bolsa Atleta.

“É um grande orgulho acompanharmos de perto a evolução desses jovens que chegaram aqui com tantos sonhos e estão trilhando um belo caminho de realizações. O município sempre dará todo o suporte necessário para esses talentos nacionais”, diz Antonio Sapia, secretário de Esporte e Lazer.

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?